quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Dízimo: expressão de fé e compromisso - Padre Renato

Dízimo: expressão de fé e compromisso Amados irmãos e irmãs, Paz e Bem! Com grande alegria celebramos uma das mais bonitas festas em honra a Santo Antônio. E com aquele gostinho espe- cial de tantas coisas boas vividas em junho, passemos a olhar para o futuro tendo a frente os desafios propostos pela Igreja diocesana. Desde a implantação do Plano de Comunhão e Administração de Bens, a Diocese de Duque de Caxias e de São João de Meriti reserva o mês de julho para a dinamização do dízimo. Mas, na prática, o que isso significa? É um tempo oportuno para que as comunidades falem do dízimo de forma aberta e participativa, estimulando aqueles que já são dizimistas a continuarem essa experiência de fé. É tempo trazer novos dizimistas para a messe do Senhor. Tudo o que uma pessoa é ou possui é dom divino. Todo dom precisa ser partilhado, caso contrário é mero ego ísmo. Guardar só para si o que se possui empobrece nossa vivência espiritual e nos alija dos bons frutos que a partilha sempre nos proporciona. Nessa perspectiva, o dizimista é aquele que se solidariza e está atento às necessidades dos outros, multipli- cando os dons recebidos do Senhor. Ofertar, entregar ou consagrar o dízimo é devolver ao Senhor, através da comu nidade, uma parte de tudo o que Ele nos oferece generosamente todos os dias. O dízimo verdadeiro brota de um coração agradecido e sua prática nos permite viver mais intensamente a Eucaristia. Ser dizimista é mais do que ser cola- borador da Igreja, pois além da manutenção ordinária, o dizimista expressa sua fé, compromisso e zelo pela casa do Senhor e pela edificação de seu Reino entre nós. Assim, dízimo não é uma forma de tributo ou arrecadação, mas confiança plena no amor de Deus Pai. O cristão que é dizimista se sente participante da missão da Igreja e co- -responsável pela evangelização nos seus diferentes níveis. Ele é consciente da importância de sua oferta, confia no Senhor e a Ele se entrega. Se você é dizimista, continue a oferecer uma parte do melhor que você recebe de Deus. E se você não fez essa experiência, chegou o momento de fazê-la com convicção e fé. Procure a equipe da Pastoral do Dízimo de sua comunidade para que você conheça as razões do oferecimento do dízimo a Deus. A missão é nossa, mas a decisão é sua! Celebraremos em agosto o mês das vocações e, nessa intenção, peço a dedicação e o empenho de todos para a realização da festa do Seminário Diocesano Santa Maria, na Catedral de Santo Antônio. O próprio Jesus reconheceu que a messe é grande e poucos são os ope- rários. Oremos com fé e confiança para que o Senhor envie operários para a sua messe, de modo especial, pelas vocações sacerdotais e religiosas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário