quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Âmbar

Âmbar...
Manhã cor de âmbar
preciosa resina
que vem tecida 
pelo mar...
âmbar,
névoa âmbar
esfumaça
as recordações
congela em si,
corações!
Se algum dia
o mar revelar
as paixões ocultas
seladas em teu íntimo!
Noite
esfumaçada noite
de névoa âmbar
lua cheia
no verão
colorida
de âmbar
dourada estação...
E a poesia
selada
guardada
na pedra do mar
âmbar
seixos, saudades
a rolar!
Ju

Nenhum comentário:

Postar um comentário